Geral

Fim da prisão após 2ª instância pode dar liberdade a 22 mil detentos

| 16/04/2018 - 06:55

Fim da prisão após 2ª instância pode dar liberdade a 22 mil detentos

Caso o Supremo Tribunal Federal (STF) mude o entendimento sobre prisão em segunda instância, em julgamento que está previsto para esta semana, 22 mil presos provisórios que ainda não foram julgados pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) poderão deixar a cadeia em todo o país. Os dados são do Painel do Banco Nacional de Monitoramento de Prisões (BNMP), do Conselho Nacional de Justiça. As informações são do Correio Braziliense.
Em 2016, quando o STF definiu a prisão após segunda instância como constitucional, cerca de 3,6 mil condenados foram presos imediatamente. Para o ex-secretário Nacional de Segurança José Vicente da Silva, a liberação dos presos pode aumentar a sensação de impunidade no país.
“Quem estuda e trabalha com segurança sabe que a resposta à violência é fundamental para determinar a eficiência das ações. Se o STF proibir a prisão após a segunda instância, isso vai enfraquecer o combate ao crime, não só aos envolvidos na Lava-Jato, mas a toda espécie de infrator. Aumentará a sensação de impunidade na sociedade e vai transferir para a polícia, ainda mais, a carga de se manter a ordem e a segurança”, diz Vicente da Silva.
Polêmica, a decisão da Corte também pode impactar a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, detido desde o último dia 7 na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, além de outros alvos da Operação Lava Jato.
Na Câmara dos Deputados, tramita proposta que pode encerrar a discussão sobre o assunto. De autoria do deputado Alex Manente (PPS-SP), a Proposta de Emenda à Constituição 410/2018 quer autorizar de vez a prisão após julgamento do caso nos Tribunais Regionais Federais (TRFs).
Fonte: noticiasaominuto.com.br
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Geral'

Número de brasileiros que realizam trabalho voluntário cresce 12,9%

Ruralistas pressionam e Temer exonera presidente da Funai

Relator admite que não há votos na Câmara para aprovar autonomia do BC

Rotação em adubação verde aumenta retorno econômico

Defesa Agropecuária diz que não havia mais motivo para manter suspensão à BRF

Agronegócio na busca de 1 trilhão de dólares

Por unanimidade, STF torna Aécio Neves réu na Lava Jato

Decreto muda regra para trabalhadores com deficiência usarem o FGTS

Financiar imóvel de R$ 500 mil fica 16% mais barato

Eficiência de misturas é demonstrada no Encontro de Verão

Mais Destaques
"ultrapassamos os 13 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo em 3 anos. Aqui sua propaganda, propaga - 45 9.91339499"
(Leitores)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)