AgroGazeta

Soja tem bom momento para vendas da safra atual e negócios futuros

| 12/04/2018 - 21:10

Soja tem bom momento para vendas da safra atual e negócios futuros

Diante dos bons preços para a soja, é o momento ideal para o produtor realizar novas negociações para a safra atual quanto da temporada de 2018/19. Com isso, o agricultor precisa ficar atento a demanda da China, a quebra na safra Argentina, Câmbio e um aumento nos valores do prêmio.
De acordo com o analista da Céleres Consultoria, Anderson Galvão, por mais que as condições de clima não favoreceram a temporada, como nas safras passadas, o Brasil terá uma boa produtividade. “Outro fator que contribuiu para os preços foi à quebra na safra da Argentina e que puxou as cotações em Chicago. E agora, vemos o Dólar mais forte e demanda adicional Chinesa”, aponta.
Em relação às comercializações futuras, o analista salienta que as negociações estavam travadas e abaixo da média de cinco anos atrás. “Com essa recuperação o agricultor aproveitou para acelerar as vendas da safra velha, melhor a liquidez e a fazer negócios para a próxima temporada”, destaca.
Ainda segundo o analista os produtores rurais devem aproveitar a alta nos preços continuar vendendo a safra velha e para travar negócios na safra 2018/19. “A grande incerteza que temos agora é são qual será a produção da safra dos Estados Unidos, o impacto do clima na safra americana a partir de junho e ir até agosto, que pode trazer muita volatilidade e os desdobramentos dessa guerra comercial”, afirma.
Safra brasileira
Com os investimentos em tecnologias, as propriedades estão alcançando cada vez mais altos níveis de rendimento. Na qual, é conseqüência de gestão e planejamento dos agricultores. “A produtividade de soja acima de 80 sacas por hectares está se tornando algo corriqueiro. Sendo que a pelo menos dez anos os patamares eram próximos de 50 sacas/ha”, finaliza.
Com isso, a projeção para a safra 2018/19 é que tenha um incremento de área de soja em torno de um milhão de hectares. Já no milho verão deve recuperar parte do que caiu no ano anterior e para o cultivo do cereal no inverno também será próximo de um milhão de hectares.
Fonte: Fernanda Custódio e Andressa Simão (Notícias Agrícolas)
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'AgroGazeta'

Após embargo europeu, BRF em Toledo anuncia férias coletivas

Agronegócio na busca de 1 trilhão de dólares

Rotação em adubação verde aumenta retorno econômico

Defesa Agropecuária diz que não havia mais motivo para manter suspensão à BRF

Eficiência de misturas é demonstrada no Encontro de Verão

Preço da soja incentiva comercialização do grão

Valorização da soja no Brasil chega a R$ 10/saca

Vendas melhoraram e preço do suíno subiu no atacado

Importação de soja na China cai 10% em março

Preço elevado permite que soja traga US$ 36 bi ao país neste ano

Mais Destaques

Cidade

Marina Elali apresenta-se no Teatro nesta sexta e anuncia desejo de ser mãe

Economia

Como declarar conta do banco no Imposto de Renda 2018

Opinião

Mensagem: Ciscopar x Gestão

Gente X Poder

Apenas 60% das empresas da feira shopping são de Toledo.

Regional

São José das Palmeiras comemora 33 anos com festa

Geral

Conta de luz aumentará com venda da Eletrobrás, dizem especialistas

Estado

Mesmo vaga, vice-governadoria consumirá R$ 50 mil por mês em comissionados

"ultrapassamos os 13 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo em 3 anos. Aqui sua propaganda, propaga - 45 9.91339499"
(Leitores)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)