Gente X Poder

Caso Ciscopar - ameaças ou recados?

| 06/02/2018 - 18:30

Em hipótese alguma, fugimos de nosso propósito de ser um jornal com ISENÇÃO e embasado da VERDADE. Isenção porque não recebo verbas para ficar calado e bajulando trapos da política que servem grupos que ao preço de vidas querem se manter no poder, nem que para isso tenham que pisar até no pescoço de sua própria mãe. Verdade é o que focamos na nossa linha editorial e ela sempre vem assinada ou no fio do bigode, nos respaldando assim para torná-la pública o que há poucos anos atrás ficavam nas gavetas. Não publicamos fotos de redes sociais ( WhatsApp) sem verificar as fontes, com já ocorreu com alguns colegas da profissão.
Caso Ciscopar I
Verdade esta que nos assiste através de nossa Carta Magna e o Ministério Público Federal e do Paraná que nos respalda para que possamos divulgar essas verdades. Nesse caso das denúncias no Ciscopar, já estamos há quase 01( um) ano avisando sobre as perseguições aos funcionários públicos, algumas solucionadas a toque de caixa, esse jornal não as inventou, não criou “notícias” e sim, se respaldou em um vasto material documental que pelos conteúdos discriminados, mostra a VERDADE por dentro de uma instituição e que pode até incriminar parte de seus dominantes políticos.
Caso Ciscopar II
Desde que esse Jornal tornou público essas denúncias na tarde dessa terça feira, foram inúmeros os telefones e mensagens para a direção do Jornal e na sua maioria agradecendo pela coragem de publicar tal “fato” de forma contundente aos quais agradecemos, mas, estamos fazendo a nossa obrigação que é apurar os fatos de forma imparcial, livre e sem medo de retaliações. Claro que algumas ligações eram questionativas, mas por não saberem interpretar por completo os “textos”. Então, reafirmamos por aqui que, em frase alguma, foi dito, afirmado que a causa da “morte” da enfermeira teria sido a perseguição, mas, sim uma das possíveis causas.
Caso Ciscopar III
Como não se tem ainda, a verdade da causa, a matéria publicadaficou sempre na interrogativa, nunca na afirmativa porque precisamos de respostas legais ( laudos ainda aguardando exames complementares) mas, embasamo-nos ao que está escrito no ofício assinado por companheiros de classe da ente-querida. Já outros preferiram dar alguns recadinhos mais em tom ameaçador de justiça e isso não nos preocupa, por que é o caminho certo. Já aos “terneiros - puxa-sacos-baba-ovos ” de plantão se quiserem dizer, falar, falar mal desse colunista, por favor, que seja “pessoalmente”. Não mandem recados, é feio! Ou então, busque nos canais competentes caso se sintam prejudicados.
A questão da educação
Décadas atrás, nossos educacionistas, especialmente Darcy Ribeiro, alertaram para o fato de que o problema da violência não seria enfrentado corretamente enquanto fosse tratado apenas como uma questão de polícia. A violência, assim como a pobreza e a concentração de renda, é uma questão de impunidade, mas é, sobretudo, a educação que reduz a desigualdade e forma uma sociedade civilizada e pacífica.
A questão da educação II
A corrupção está, finalmente, sendo enfrentada por juízes, policiais, promotores e procuradores, mas não será vencida enquanto não for enfrentada pelos eleitores. O juiz consegue prender político corrupto, mas não elege político honesto. Isso só vai acontecer quando o eleitor for educado: primeiro, para não precisar sobreviver das promessas dos candidatos e dos favores de eleitos; segundo, para discernir as diferenças entre os candidatos.
A questão da educação III
A educação de um indivíduo não o faz mais honesto, mas a educação de todos os indivíduos faz um povo mais preparado para eleger pessoas decentes e sem demagogias, e com melhores e mais sérias promessas para o futuro. Há décadas tentamos garantir competitividade sem produtividade, usando subsídios, isenções fiscais e protecionismos. Na economia moderna, a competitividade só vem da produtividade e da inovação, que dependem da ciência e da tecnologia. Essas, por sua vez, dependem diretamente da educação de base.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Gente X Poder'

Não tenho certeza, ouvi dizer, me parece...

Reunião de Cúpula

Querem fechar a EMDUR ?

Prefeito ascende diretora de Jornalismo da SECOM como Secretária.

Parcialidade ?

Vacância na SECOM de Toledo

Um emprego dos sonhos, no mundo das “fantasias”

Novos secretários

Dos leitores para a coluna Gente e Poder

Derli Donin (PP) inabilitado até 2025

Mais Destaques

Cidade

Maior Conclave Leonístico do Sul do Brasil inicia dia 24

"ultrapassamos os 14 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo em 3 anos. Aqui sua propaganda, propaga - 45 9.91339499"
(Leitores)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)