Cidade

Conhecimento e empatia: uma educação transformadora

| 10/11/2017 - 21:45

Conhecimento e empatia: uma educação transformadora

Conhecimento é conectar, selecionar, pesquisar, sistematizar e trabalhar em equipe, como este programa o Colégio La Salle lança campanha de matrículas
Qual é o modelo ideal de escola para enfrentar os desafios deste novo mundo? Muitos especialistas têm mostrado diversos caminhos, mas em uma questão há consenso: a escola do futuro precisa estar comprometida com a empatia, com o conhecimento vivo e comunitário, com a criatividade, domínio do conhecimento científico e desenvolver habilidades emocionais, o pensamento criativo e crítico. E é este programa que orienta a campanha de matrículas do Colégio La Salle: Entender e sentir para transformar.
Educar é projetar para o futuro, mas promover um ambiente saudável e criativo para o aprendizado. “A escola não é um prédio, a escola são as pessoas. E é com as pessoas que construímos o conhecimento. A escola é um espaço do coletivo e o conhecimento nasce desta relação. Do reconhecimento do outro e de que juntos podemos transformar a realidade. Por isso, a nossa Campanha de matrículas quer sensibilizar a comunidade para este novo jeito de construir o conhecimento”, explica o diretor do Colégio La Salle, Álvaro Luiz Wermann.
O Colégio Lassalista de Toledo conta com uma estrutura de mais de 37 mil metros quadrados, laboratórios e diversos projetos de aprendizagem, que visam conectar e ampliar os conteúdos curriculares. “Nosso plano pedagógico vai além do material didático, pois entendemos que ele sozinho não dá conta das múltiplas possibilidades que podemos construir em torno de um mesmo tema”, frizou a coordenadora pedagógica do Colégio Juraci Casagrande.
O conhecimento não pode ser separado do convívio com o outro, a empatia e a experiência com o ambiente. “O conhecimento está em todos os espaços e seremos bem sucedidos o quanto mais conexões o aluno possa fazer sobre determinado tema. Por isso nosso projeto está focado no desenvolvimento de habilidades e competência. Ou seja, nosso aluno está preparado para o conhecimento curricular em conexão com a cognição social. A nossa formação está direcionada para que o aluno seja apto a selecionar, pesquisar, conectar, sistematizar e trabalhar em equipe”, detalha Juraci.
Resultados
A coordenadora pedagógica aposta que um currículo focado no conhecimento científico, mas comprometido com a empatia social e o desenvolvimento integral do estudante é um fórmula de sucesso. “Acreditamos profundamente nesta verdade, pois basta conferir nossos resultados. Em Toledo, somos líder no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Nos últimos cinco anos consecutivos somos o número 1, este é o resultado da média geral do desempenho dos nossos estudantes. E ainda, temos aprovado nossos alunos nas melhores Universidades Federais, Estaduais e Privadas do país. E recentemente, o estudante Igor Sardo esteve entre os 77 alunos brasileiros com nota mil no Enem”, comemora Juraci.
Para o diretor do Colégio La Salle este plano de ensino esta em sintonia com as demandas do mundo. “Todos nós estamos preocupados em formar bons profissionais, éticos e isso passa pela formação integral do indivíduo. Só teremos bons médicos, engenheiros, professores e tantas outras profissões, se promovermos uma educação pautada no conhecimento científico e no compromisso social, na empatia, na criatividade e na felicidade”.
O Colégio La Salle segue com matrículas abertas até final de novembro para Educação Infantil (crianças a partir de 15 meses de idade), Ensino Fundamental I e II, Ensino Médio e Turno Integral. Interessados podem acessar o site do Colégio www.lasalle.edu.br/toledo, ou agendar uma visita pelo telefone (45) 3252-1336.

Galeria de fotos
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Cidade'

Acit recebe visita de comitiva da Unioeste

Cota única da parcela do IPTU deve ser paga até dia 12 de março

Nova coordenadora assume Núcleo Multissetorial da Mulher Empresária

Certi Pioneiro retorna com atividades nesta sexta-feira

CNMP apresenta proposta para ocupantes de cargo em comissão no MP

Núcleo de Gastronomia se prepara para renovar selo de qualidade

Paraná altera base de cálculo do ICMS de medicamentos

Convênio oferta atividades em contraturno escolar na rede municipal

Inscrições para vagas de curso sobre Inovação encerram dia 11/03/18

Radar portátil passa por aferição do Inmetro

Mais Destaques

Política

PF cumpre sete mandados de prisão na 48ª fase Lava Jato; sede do governo do Paraná é alvo de busca

"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)