Economia

Endividamento de consumidores cresce no país em outubro

| 08/11/2017 - 21:10

O percentual de consumidores endividados ficou em 61,8% em outubro deste ano. Segundo dados divulgados pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), a taxa é superior às registradas em setembro deste ano (61,7%) e em outubro do ano passado (59,8%).
De acordo com a CNC, os consumidores inadimplentes, isto é, com dívidas e contas em atraso, ficaram em 26% em outubro deste ano, patamar abaixo dos 26,5% de setembro deste ano, mas acima dos 24,7% de outubro do ano passado.
Já os consumidores que não conseguirão pagar suas dívidas ou contas ficaram em 10,1%. Em setembro deste ano, o percentual havia sido 10,9%. Em outubro do ano passado, a taxa foi 9,8%.
O tempo médio com pagamento em atraso ficou em 63,8 dias. Fonte:CNC
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Economia'

Atividade econômica cresce 1,04% em 2017

Petrobras passa a divulgar preços e eleva valores do diesel e gasolina

Piora no cenário internacional contribui para fim do ciclo de cortes nos juros

Receita Federal bate recorde de autuações em 2017

Petrobras corta preço da gasolina em 3%, maior queda em quase 3 meses

Preço da energia elétrica cai e IPCA sobe 0,29% em janeiro, bem abaixo do esperado

Preço da energia elétrica cai e IPCA sobe 0,29% em janeiro

Plenário pode aprovar fim de impostos sobre medicamentos

Governo proíbe viagens a serviço de primeira classe e executiva

Ministro aponta cartel em corporações do setor de combustíveis

Mais Destaques

Política

Fachin nega pedido de liberdade e mantém Aldemir Bendine preso

Cidade

Estudo mapeia o setor de microcervejarias artesanais no PR

Cultura

Toledo se prepara para receber “II Ecofeira”

Gente X Poder

Agricultor que faz a diferença

Regional

Maringá é destaque em Logística Reversa no Paraná

AgroGazeta

Sicredi bate recordes no Show Rural Coopavel 2018

Esporte

Evento faz entrega de prêmios aos campeões de Velocross

"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)