Cidade

Conselho Regional de Enfermagem do Paraná adota medidas judiciais contra médico de Toledo

| 19/10/2017 - 15:05

Conselho Regional de Enfermagem do Paraná adota medidas judiciais contra médico de Toledo

O médico Cassius Frigulha ofendeu toda categoria profissional em rede social e agora deverá responder por Queixa-Crime e Denúncia por Infração Ética

A duas medidas foram encaminhadas hoje, 19, pelo Coren/PR: a queixa-crime foi registrada no Juizado Especial Criminal de Toledo e a denúncia por infração ética foi enviada ao Conselho Regional de Medicina, em Curitiba.

Recentemente o médico Cassius Frigulha, que atua em Toledo, usou uma rede social para difamar e ofender a toda a categoria da enfermagem usando argumentos e vocabulário de baixo nível. Da mesma forma, ou seja, sem nenhum respeito profissional, o médico questionou a formação e atribuições dos enfermeiros.

As ofensas tiveram repercussão na internet e na mídia estadual. Cassius Frigulha acabou publicando nova postagem com pedido de desculpas, alegando que sua conduta foi reflexo de problemas pessoais, e na sequência, “tirou do ar” a página que mantinha na rede social. Sendo assim, o pedido de desculpas não chegou a repercutir como as ofensas proferidas.

Ao ingressar nas esferas criminal e administrativa profissional o Coren/PR solicita que o médico responda pelos atos ofensivos e de difamação que praticou.

O Coren/PR informa que estuda ainda outras medidas judicias na área civil.

De acordo com o artigo 15,VIII, da Lei 5.905 o Conselho Regional de Enfermagem tem a responsabilidade de preservar o bom conceito da profissão.

    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Cidade'

Acit recebe visita de comitiva da Unioeste

Cota única da parcela do IPTU deve ser paga até dia 12 de março

Nova coordenadora assume Núcleo Multissetorial da Mulher Empresária

Certi Pioneiro retorna com atividades nesta sexta-feira

CNMP apresenta proposta para ocupantes de cargo em comissão no MP

Núcleo de Gastronomia se prepara para renovar selo de qualidade

Paraná altera base de cálculo do ICMS de medicamentos

Radar portátil passa por aferição do Inmetro

Saúde realiza audiência pública quadrimestral para prestação de contas

Convênio oferta atividades em contraturno escolar na rede municipal

Mais Destaques

Política

PF cumpre sete mandados de prisão na 48ª fase Lava Jato; sede do governo do Paraná é alvo de busca

"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)