AgroGazeta

Presidente da Federação de Engenheiros Agrônomos visita Coamo

| 11/10/2017 - 21:00

Presidente da Federação de Engenheiros Agrônomos visita Coamo

Presidente da Federação de Engenheiros Agrônomos visita Coamo.
Cumprir metas do plano de ação, visitando, conhecendo e estabelecendo parcerias com instituições do ramo do agronegócio. Estes foram os objetivos da visita da diretoria da Federação dos Engenheiros Agrônomos do Paraná, que na semana passada foi recebida pela diretoria da Coamo.
Conforme o presidente da entidade, Ricardo Antonio Palma, a meta é solidificar a federação mostrando que ela tem um grande tralho a ser realizado, no sentido de fortalecer a classe agronômica reorganizando as associações de engenheiros agrônomos dos municípios. Fundada em 1947, ele ainda lembra que a federação está completando 70 anos de serviços prestados no estado.
Dia do agrônomo – hoje, dia 12, comemora-se o dia do engenheiro agrônomo, profissional fundamental para o desenvolvimento da agricultura do agronegócio como um todo.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'AgroGazeta'

Biolabore leva curso a São José das Palmeiras

Frota dos Alimentos Coamo com nova plotagem é apresentado

Farelo de soja do Brasil tem preços melhores no mercado internacional

Importações de fertilizantes pelo Brasil caem 25% em janeiro, diz Anda

Com Índia como principal mercado, Paraguai aumentou exportação de óleo de soja em 8,3%

Temer fala em avanços, um dia depois de desistir da reforma da Previdência

Sicredi bate recordes no Show Rural Coopavel 2018

Coamo tem receita global de R$ 11,07 Bi e distribui R$318 mi em sobras aos seus mais de 28 mil assoc

Chuva pode afetar colheita da soja na maior parte do Brasil

Plataforma otimiza uso de recursos hídricos em bacias hidrográficas

Mais Destaques

Política

Brasil cai 17 posições em ranking global de corrupção

Esporte

ABATOL recebeu cartão Passe Atleta

Cultura

AMOP lança projeto cultural para 54 cidades da região

Variedades e Gente

Ação Social promove Almoço Italiano

Regional

Projeto-piloto da Caciopar dá novo impulso a SPCs de cidades do Oeste

Geral

Cresce abertura de novas empresas no Brasil

Gente X Poder

Teto baixo ou teto ALTO?

Cidade

Núcleo de Gastronomia se prepara para renovar selo de qualidade

"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)