Economia

Indicador antecedente de emprego tem maior nível da série em setembro

| 10/10/2017 - 21:20

O Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) atingiu em setembro o maior nível da série, apontando otimismo dos empresários e indicando que o emprego continuará a melhorar nos próximos meses, de acordo com a Fundação Getulio Vargas (FGV).
Os dados divulgados nesta terça-feira mostram que o IAEmp, que antecipa os rumos do mercado de trabalho no Brasil, subiu 2,4 pontos no mês passado e foi a 100,6 pontos, o maior nível da série iniciada em junho de 2008, após recuo em agosto.
“Os melhores dados da atividade econômica sustentam o otimismo dos empresários para a retomada de contratações nos próximos meses. A perspectiva de um crescimento maior do que o esperado anteriormente, para 2017 e 2018, reforça este otimismo”, explicou em nota o economista da FGV/IBRE Fernando de Holanda Barbosa Filho.
A FGV pontuou que a melhora aconteceu em seis dos sete indicadores que compõe o IAEmp, com destaque para o índice que avalia a situação dos negócios no momento atual da Sondagem de Serviços, e para o de expectativa com relação à facilidade de se conseguir emprego nos seis meses seguintes da Sondagem do Consumidor.
Já o Indicador Coincidente de Emprego (ICD), que capta a percepção das famílias sobre o mercado de trabalho, recuou 0,5 ponto em setembro, a 97,6 pontos, próximo da máxima da série, refletindo números ainda elevados do desemprego.
“Apesar da tendência de queda do desemprego, este deve continuar em níveis elevados nos próximos meses. O ICD mostra este mercado de trabalho ainda difícil, mas com tendência de melhora”, explica Barbosa.
O mercado de trabalho vem mostrando recuperação, ainda que por conta do aumento do emprego informal, e a taxa de desemprego caiu a 12,6 por cento no trimestre até agosto, segundo dados do IBGE. Fonte: Reuters
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Economia'

Indicador de emprego da FGV chega a 103,9 pontos

Crescimento nos próximos anos será mais equilibrado entre setores, diz ministro

Mudar transporte contra aquecimento global requer apoio, dizem especialistas

54% dos consumidores querem reduzir os gastos em dezembro

Empresas podem optar até 20 de dezembro pela antecipação do eSocial

Natal: 11% dos pais que pretendem presentear irão atrasar contas

Assembleia aprova projeto que pode aumentar impostos empresas

Leniência fechada pelo MPF deve garantir R$ 24 bi aos cofres públicos

Após fraco resultado, setor de transporte mantém otimismo cauteloso para 2018

Mais Destaques
"Poder-É a capacidade de arbitrariamente, agir e mandar, exercer a autoridade, a soberania, o império dos grupos que se formam visando o poder, o monopólio. Quanto maior a dependência de A em relação a B, maior o poder de B em relação A. Desconhecido"
(Desconhecido)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)