Regional

PTI apresenta projeto de capacitação

| 11/08/2017 - 20:50

PTI apresenta projeto de capacitação

Representantes dos municípios da região Oeste poderão participar de uma capacitação que deverá totalizar 400 horas de curso e 150 horas de pesquisas através de uma parceria entre o Programa Parque Tecnológico Itaipu e a Câmara de Comércio Brasil França. O projeto foi apresentado nesta quinta-feira em Toledo a representantes do município e Marechal Cândido Rondon. A meta é envolver 9 municípios da região, os quais deverão indicar até dois representantes de cada, além de integrantes de outras instituições como Unioeste, Programa Oeste em Desenvolvimento, Frimesa, entre outras entidades, totalizando 24 participantes. O PTI vai assumir todas as despesas com palestrantes, alimentação e hospedagem dos participantes. Já os municípios terão que dispensar seus funcionários por uma semana, uma vez por mês, além do deslocamento. A capacitação será em diferentes cidades, conforme um cronograma já definido, de agosto a junho do próximo ano. O lançamento do projeto será em um seminário em Foz do Iguaçu, de 24 a 26 de agosto.
“Será uma experiência singular e uma capacitação com palestrantes europeus, que poderão trazer uma contribuição importante para o desenvolvimento do oeste do Paraná”, comenta o presidente da Câmara Brasil França, Sérgio Asinelli. Ele, que participou de capacitação nos mesmos moldes na década de 90, na França, ressaltou que foi um dos melhores cursos que participou, pela visão abrangente que proporciona e metodologia utilizada. Durante o curso, aberto a profissionais de nível superior, com perfil de liderança, para transformarem-se em futuros multiplicadores, serão abordados três problemas comuns e duas oportunidades. Durante o treinamento, os profissionais deverão discutir e apontar soluções para os problemas e oportunidades detectadas, visando o desenvolvimento da região como um todo. Os estudos deverão ser compartilhados e poderão ser aproveitados no futuro pelas prefeituras, instituições ou empresas. Entre os problemas que serão debatidos estão a reciclagem do lixo e o tratamento de resíduos sólidos; os riscos urbanos, incluindo a contaminação das águas, alagamentos, entre outros; e mobilidade urbana e entre as cidades. Entre as oportunidades, os temas propostos são a transformação do Oeste em polo de desenvolvimento sustentável, considerando as riquezas existentes, com um dos solos mais férteis do mundo, riqueza de águas, potencial turístico, produção de origem animal e vegetal, energias renováveis, entre outras questões; e as ações de integração entre os municípios, com o estado, a união e internacionais que podem contribuir para o desenvolvimento regional integrado.
Inicialmente o projeto vai envolver as cidades de Foz do Iguaçu, Toledo, Cascavel, Marechal Cândido Rondon, Assis Chateaubriand, Palotina, Guaíra, Medianeira e Matelândia. Participaram da apresentação do projeto em Toledo representantes de Toledo e Marechal Cândido Rondon.
O prefeito de Toledo, Lucio de Marchi, elogiou a iniciativa e destacou que o município deverá participar deste processo. Ele acredita que isso será muito positivo para a formação dos profissionais e para uma avaliação dos problemas da região e a busca de soluções conjuntas. Deverão ser indicados dois representantes locais para a capacitação.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Regional'

Empresários debatem progresso territorial e competitividade

Emater organiza encontro de criadores de peixes em Maripá

Programa Empreender é mostrado a empreendedores de Palotina em encontro na Acipa

Universitários transformam lixo orgânico em fontes de energia limpas

Pronto Atendimento completa 1 de funcionamento

Conferência sobre energia inteligente recebe expositores e patrocinadores

Governo reforça movimento pela duplicação da BR-376 no Noroeste

Vendas para o Dia dos Pais crescem 2,5% após dois anos de queda

“Institucionalizaram o caixa dois”, critica presidente da Faciap

Aniversário de 163 anos da PM é marcado por homenagens

Mais Destaques

Política

Eunício afirma que salário mínimo terá pelo menos a correção da inflação

Cidade

Núcleo de Marcenarias discute criação de Selo de Qualidade

Esporte

Sadia participa de Brasileiro Juvenil e Pré-Infantil de GR

"O número de acidentes no trânsito de Toledo cresceu 28,5%, no comparativo entre janeiro deste ano e o mesmo período do ano passado, de acordo com dados pela PM (ver gráficos). Toledo está na contra-mão do estado que, reduziu em 23% os números nos mes"
(Redação)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)