Cultura

Fafá de Belém comemora 61 anos

| 08/08/2017 - 21:30

Fafá de Belém comemora 61 anos

Nascida Maria de Fátima Palha de Figueiredo em Belém (PA) no dia 9 de agosto de 1956, Fafá de Belém é uma cantora, compositora e atriz brasileira. Fafá ganhou reconhecimento nacional quando em 1975 a música “Filho da Bahia”, cantada por ela, foi introduzida na trilha sonora da telenovela Gabriela.
Filha de Joaquim de Figueiredo (Seu Fefê) e de Eneida Palha, que vem de uma família de políticos da região, Fafá pertencia a uma família de classe média alta da capital paraense e desde a infância destacava-se nas reuniões familiares com a voz afinada. Na adolescência já gostava de música e, em parceria com amigos, fez alguns espetáculos em bares e casas noturnas, fugindo de casa para realizar tal fato.
Em 1973 conheceu o baiano Roberto Santana, produtor do grupo Quinteto Violado, que a aconselhou a investir na carreira fonográfica. Incentivada por este, apresentou-se em alguns lugares como Rio de Janeiro, Salvador e em Belém. Nesse mesmo ano, estreou como cantora profissional no musical “Tem muita goma no meu tacacá”, que satirizou o cenário político da época. Em 1975 estourou nas rádios e a música “Filho da Bahia” também originou um videoclipe no programa “Fantástico”. Na mesma época lançou o primeiro compacto, que continha as músicas Naturalmente (de Caetano Veloso e João Donato) e Emoriô (de Gilberto Gil e João Donato). O primeiro disco, “Tamba-Tajá”, foi lançado em 1976 e mostrou um repertório eclético com músicas de raízes nortistas, como os forrós “Haragana” e “Xamego” e o carimbo “Este rio é minha rua”.
O segundo disco, “Água”, de 1977, vendeu mais de 100 mil cópias e consagrou a cantora nacionalmente com sucessos como “Ontem ao luar”, “Raça”, “Sedução”, “Foi assim” e “Pauapixuna”. Em 1979 lançou um de seus maiores sucessos, “Sob medida”, composta por Chico Buarque. A música integrou o repertório de um dos discos considerados melhores em sua carreira, o eclético “Estrela radiante”, onde se alternou entre canções regionais e urbanas.
Fafá de Belém é uma artista consagrada e reconhecida tanto no Brasil como no estrangeiro, em especial, Portugal, onde tem imensa popularidade. Aclamada e querida pelos portugueses, que a consideram um ícone e uma verdadeira embaixadora de música brasileira, chamando-a de “A Cantora Brasileira mais Portuguesa do Brasil”.
Como as cantoras de sua geração, foi fortemente influenciada por cantores consagrados da MPB como Maysa, Roberto Carlos, Cauby Peixoto e os grupos Jovem Guarda e Beatles, ouvindo-os com entusiasmo, além de outros gêneros, como jazz, música clássica, e os grandes ídolos do rádio.
Que nesta quarta-feira Fafá de Belém possa comemorar seus 61 anos com muita saúde. Parabéns!
Fernando Baldi Braga
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Cultura'

Escola Baillare participa hoje de importante festival de dança

No Dia Nacional do Patrimônio Histórico, Toledo está na vanguarda

Seguem abertas inscrições para o 1° Concurso de Haicai de Toledo

Intercâmbio cultural ocorre durante visita técnica a municípios da BP3

Grupo de dança de Toledo é premiado em Maringá

As cidades mais isoladas do mundo

Mais incentivo, mais cultura!

Musicista Samuel Martinelle, de Toledo para Nova Iorque

Academia Brasileira de Cinema escolherá comissão do Oscar

María Luz Morales, uma pioneira que o mundo precisa (re)conhecer

Mais Destaques

Cidade

Núcleo de Marcenarias discute criação de Selo de Qualidade

Política

Eunício afirma que salário mínimo terá pelo menos a correção da inflação

Esporte

Sadia participa de Brasileiro Juvenil e Pré-Infantil de GR

"O número de acidentes no trânsito de Toledo cresceu 28,5%, no comparativo entre janeiro deste ano e o mesmo período do ano passado, de acordo com dados pela PM (ver gráficos). Toledo está na contra-mão do estado que, reduziu em 23% os números nos mes"
(Redação)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)