Cultura

6 cidades medievais para conhecer na Itália e se apaixonar

| 20/04/2017 - 23:00

6 cidades medievais para conhecer na Itália e se apaixonar

Quem nunca sonhou em conhecer as maravilhas da Itália? O país está entre um dos destinos de viagem mais procurados por casais, amigos e jovens mochileiros - isso porque o local não só releva uma cultura única, como também guarda vilarejos e cidades tão incríveis que fica difícil não se apaixonar!
Melhor do que explorar as grandes cidades e obras de arte presentes no país é conhecer os pequenos vilarejos medievais que parecem que pararam no tempo. Guardando uma arquitetura e detalhes únicos da antiguidade, percorrer suas ruas de paralelepípedos é como voltar à Idade Média, quando fortalezas eram construídas a fim de proteger as cidades (estas, geralmente no alto de montanhas). Confira:
Montepulciano, Siena
A cidade medieval de Montepulciano, a 66 km de Siena, é um verdadeiro tesouro localizado na Toscana. Ela fica bem no alto de uma colina e se caracteriza por construções de pedra, edifícios da época do Renascimento e, claro, pelo famoso Vinho Nobile de Montepulciano, considerado um dos melhores da Itália.
Montalcino, Siena
A Cidade de Montalcino, a 35 km de Montepulciano, está situada em uma colina alta entre os vales do Rio Ombrone e fica a 564 metros acima do nível do mar. O local é famoso por produzir o vinho Brunello, um dos mais renomados do mundo. A cidade é formada por castelos antigos e construções imponentes que fazem qualquer apaixonado por lugares incríveis se encantar!
Brisighella, Ravena
Localizada no vale do Lamone entre Florença e Faenza, Brisighella é uma vila medieval com apenas 8 mil habitantes data do século 13! A fortaleza foi construída no alto de uma das 3 colinas que marcam a geografia de cartão postal da região, resultando em um vilarejo incrível que guarda as tradicionais marcas das aldeias medievais: vielas estreitas, construções imponentes de pedras e muitas histórias.
Volterra, Pisa
Volterra fica na província de Pisa, na fronteira da província de Siena, e está situado em uma colina a 450 metros acima do nível do mar, entre os vales de Cecina e dell’Era. As origens de Volterra remontam aos antigos etruscos que deram o nome à cidade de Velathri, e depois os romanos passaram o nome para Volaterrae. Muitos museus e pontos turísticos históricos encantam os visitantes que param no tempo ao conhecer esse vilarejo.
Cortona, Arezzo
Cortona é uma bela cidade, na província de Arezzo, situada em uma localização historicamente estratégica, no coração da Toscana. A cidade é toda cercada por uma muralha e possui 6 entradas, mais especificamente 6 portas - sendo possível estacionar seu carro em alguma das entradas e fazer o restante do percurso a pé. Por lá, a combinação de arte, cultura e história são muito forte, sendo uma boa escolha para quem quer curtir um destino verdadeiramente italiano. Não é à toa que o local foi escolhido para ser cenário do filme “Sob o Sol de Toscana”.
San Gimignano, Siena
Localizada no alto de uma colina, a cidade fica a 62 km de Florença e foi declarada como patrimônio mundial da UNESCO. Cercada por uma muralha, por lá não entram carros - motivo que faz o local ficar ainda mais charmoso. Visitar San Gimignano é como voltar para a Idade Média: torres por todos os lados, vielas e ruas tão encantadoras que apelidaram o local de Nova York da Idade Média.

Galeria de fotos
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Cultura'

Há 89 anos nascia um dos maiores humoristas latino-americanos

CEJUs ofertam cursos de cultura e de outras áreas

Toledo se prepara para receber “II Ecofeira”

Cooarte promove curso de artesanato na próxima semana

Músico de Toledo lança disco em Nova Iorque

Escritora Hilda Hilst será homenageada na FLIP

“5E” realiza audição para selecionar novos dançarinos

Encontro reunirá fabricantes artesanais de instrumentos musicais

Um herói que se levantou no passado e é lembrado hoje

Abertas inscrições para os cursos da Casa da Cultura

Mais Destaques

Cidade

Núcleo de Gastronomia se prepara para renovar selo de qualidade

Economia

Mais de mil contribuintes que aderiram ao Novo Refis estão irregulares

AgroGazeta

Frota dos Alimentos Coamo com nova plotagem é apresentado

Gente X Poder

Teto baixo ou teto ALTO?

Regional

Projeto-piloto da Caciopar dá novo impulso a SPCs de cidades do Oeste

Esporte

ABATOL recebeu cartão Passe Atleta

Política

Brasil cai 17 posições em ranking global de corrupção

Variedades e Gente

Ação Social promove Almoço Italiano

"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)