Moda

Stock Car: Velopark marca “estreia” de Pizzonia e Campos

| 20/04/2017 - 00:01

Stock Car: Velopark marca “estreia” de Pizzonia e Campos

O calendário lembra que a temporada foi aberta dia 02 de abril, em Goiânia, mas na prática o campeonato começará para valer para a Equipe Prati-Donaduzzi. neste fim de semana, no Velopark, circuito gaúcho que recebe a segunda etapa de 2017. Na capital de Goiás, o amazonense Antonio Pizzonia e o paranaense Júlio Campos foram envolvidos em acidente logo na primeira volta que roubou qualquer chance de desfecho expressivo no domingo depois dos animadores treinos livres e classificatórios - Campos largou em 8º e Pizzonia em 11º na corrida 1.
O recomeço não poderia vir em pista mais apropriada. Não apenas a equipe comandada pelo diretor-técnico Rodolpho Mattheis tem uma história salpicada de ótimos resultados no diminuto traçado de 2,2 km como Campos se tornou em 2015 o primeiro piloto a subir ao pódio nas duas provas desde que o atual sistema de rodadas duplas foi implantado. “Nossos carros têm um excelente retrospecto no Velopark. No ano passado fizemos um oitavo e um terceiro na primeira bateria e em 2015 largamos e terminamos em segundo. Além disso, nossa equipe irmã, a A. Mattheis, fez dobradinha no qualifying e na corrida 1 em 2016”.
As batidas em Goiânia não somente frustraram as expectativas da equipe como obrigaram engenheiros e mecânicos a realizar um minucioso trabalho de revisão na oficina em Petrópolis para devolver aos carros as suas melhores condições. A Prati-Donaduzzi deu um show de rapidez e eficiência para recolocar Pizzonia e Campos na pista em Goiânia, mas nem todos os danos puderam ser identificados nos boxes. “Descobrimos que a barra traseira da suspensão do Júlio estava bem danificada, além dos triângulos esquerdos. Na frente também havia um triângulo dianteiro e a barra de convergência bastante afetada, o que deixou o volante torto na corrida 2. O carro do Pizzonia também estava com um triângulo traseiro empenado que não foi trocado para a segunda corrida. E os freios foram comprometidos porque um triângulo traseiro rasgou a mangueira e prejudicou a refrigeração. O Julio também estava sem velocidade na segunda prova por causa dos danos na bronzina que causaram a perda da pressão de óleo, o que só foi verificado na revisão do motor. Como ele foi trocado, está tudo bem”, assegurou o chefe da equipe.
Nesta quinta-feira, 20, as equipes deverão chegar ao município de Nova Santa Rita, distante 25 quilômetros de Porto Alegre, para a instalação da estrutura e ajustes finais nos carros. As atividades de pista começam na sexta-feira, com a seguinte programação:
Sexta-feira
12h30-13h30 - 1º treino livre - Grupo 1
13h40-14h40 - Primeiro treino livre - Grupo 2
Sábado
09h00-09h40 - 2º treino livre - Grupo 1
09h45-10h25 - 2º treino livre - Grupo 2
13h00-14h00 - Treino classificatório (Q1, Q2 e Q3)
Domingo
13h00-13h45 - Corrida 1
14h10-14h55 - Corrida 2
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Moda'

Geovana Savaris

Dicas e exercícios de bem estar para quem está à procura de emprego

Norman Braga

Mais Destaques

Política

Fachin nega pedido de liberdade e mantém Aldemir Bendine preso

Gente X Poder

Agricultor que faz a diferença

Regional

Maringá é destaque em Logística Reversa no Paraná

AgroGazeta

Sicredi bate recordes no Show Rural Coopavel 2018

Cultura

Toledo se prepara para receber “II Ecofeira”

Esporte

Evento faz entrega de prêmios aos campeões de Velocross

Cidade

Estudo mapeia o setor de microcervejarias artesanais no PR

"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)